quinta-feira, 28 de janeiro de 2010

Drogas




Imagine um jovem pobre, com pouca instrução, morador de favela, sem perspectivas de bom emprego e que sempre passe necessidades... Imagine outro jovem, porém rico, morador de bairro chique e que normalmente tem tudo o que deseja...

Aconteceu de um deles se transformar em traficante e do outro se transformar em viciado. Considerando as características brasileiras, qual dos dois se tornou o traficante?

Parece facil dizer que foi o jovem que mais precisava de dinheiro, o jovem pobre da favela... Parece compreensível também que o jovem rico tenha se inclinado por prazeres alucinantes, uma vez que já tinha de tudo e poderia estar enfadado dos prazeres comuns.

-A grande questão é saber quem induz a quem a se envolver com as drogas... Será que foi o jovem pobre, e de pouca educação que convenceu o jovem rico, ou será que foi o jovem rico e de muita educação que convenceu o jovem pobre?

-Considerando a realidade brasileira, que tipo de influência um traficante de favela poderia exercer sobre famosas atrizes, cantores e personalidades artísticas em geral, levando-os ao vício e a dependência?... Seria, amostras grátis?... Quem realmente procura quem?...