domingo, 6 de dezembro de 2015

SANTO AMARO VENCE URUÇUCA E É CAMPEÃ DO INTERMUNICIPAL 2015

Postado por Yuri Barreto - Comunicação FBF 

Nem o sol escaldante foi capas de atrapalhar a festa santamarense neste domingo (6). Sob forte calor e diante de um estádio lotado, a Seleção de Santo Amaro não decepcionou sua torcida e sagrou-se campeã do Intermunicipal 2015.

O título veio com uma vitória por 3 a 1 sobre Uruçuca. Os gols do triunfo foram marcados por Paulinho, Hiltinho e o artilheiro Marcelo. Dedel descontou para a Seleção visitante.

A diferença de dois gols era justamente o que Santo Amaro precisava para levantar a taça nos 90 minutos, já que no jogo de ida os uruçuquenses haviam vencido por 1 a 0. A vitória dos donos da casa por um gol de diferença levaria a decisão para os pênaltis. Já o empate levaria o título para a cidade do Sul da Bahia.

Com o apito final do árbitro Ademilton Piedade Carigé, uma bela festa se formou no gramado. A Federação Bahiana de Futebol entregou as premiações de campeã e vice-campeã sob uma bonita chuva de fogos proporcionada pelos campeões.

O presidente Ednaldo Rodrigues, o vice Ricardo Lima, a diretora técnica Taíse Galvão, o assessor jurídico Manfredo Lessa, o presidente da Ceaf-BA, Wilson Paim, o subdiretor administrativo e financeiro Marcelo Araújo, acompanhados de funcionários da entidade, de presidentes de Ligas e desportistas e do secretário do trabalho, emprego, renda e esporte do Governo do Estado, Álvaro Gomes, que representou o governador Rui Costa entregaram o troféu Altamirando Chaves, o Miranda, à Seleção de Uruçuca. Já Santo Amaro recebeu a taça Antônio José Santana Martins, o Tom Zé, cantor, compositor e arranjador brasileiro de 78 anos e nascido em Irará, na Bahia.

Ainda foram premiados no final de tarde o artilheiro da competição, Marcelo Cardoso, de Santo Amaro, que balançou as redes 23 vezes e levou para casa sua quarta chuteira de ouro do certame, e o goleiro menos vazado, Juraci, de Uruçuca, que levou apenas seis gols e repetiu o feito de 2014, quando também foi o bola de ouro de melhor goleiro.

O Intermunicipal 2015 chegou ao fim com 290 jogos realizados e 747 gols marcados, uma média de 2,57 gols por partida. O melhor ataque da competição foi justamente dos campeões santamarenses, com 58 gols assinalados.